sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Aromaterapia - terceira parte,

Aromaterapia e óleos carreadores

Misturar um óleo essencial a um óleo carreador é a maneira mais popular de preparar produtos aromaterapêuticos. É também a maneira mais fácil de diluir os óleos essenciais na preparação para o uso. Há diversas opções de carreadores.
Os mais comuns são o óleo vegetal, o álcool, a água e, mais raramente, o vinagre.
A escolha do carreador dependerá da forma como você planeja aplicar seu tratamento. 

Para uma massagem ou óleo corporal, o óleo vegetal é a melhor opção. No caso de um ungüento talvez seja melhor usar o álcool, pois ele não deixa nenhum resíduo oleoso.

Você também pode diluir óleos essenciais em produtos prontos à base de óleos vegetais, como ungüentos, cremes ou loções que você encontra em qualquer loja. Essa é uma maneira rápida de preparar seus próprios produtos. Escolha produtos que contenham pouco ou nenhum óleo essencial para garantir que o produto final não tenha um cheiro muito forte. Muitas lojas de produtos naturais têm cremes, loções e xampus inodoros.
 

Óleos vegetais

Os óleos essenciais se misturam aos óleos vegetais. Os óleos vegetais têm outras vantagens: são calmantes, retêm a umidade e são fáceis de aplicar. Todo óleo vegetal de boa qualidade, como os de amêndoas, damasco, avelã, oliva, semente de uva, ou gergelim, pode ser usado como óleo carreador. Você não precisa necessariamente usar óleos “prensados a frio”, mas deve evitar óleos muitos fortes como o de oliva ou o de amendoim porque eles têm cheiros próprios que se sobrepõem ao aroma dos óleos essenciais. 

As moléculas de óleos vegetais são muito grandes para penetrar na pele, como fazem as moléculas de óleo essencial, mas deslizam suavemente e, por isso, são ideais para produtos cosméticos. Depois que você tiver mais familiaridade com as propriedades dos diferentes óleos, você pode mudar o óleo de acordo com o tipo de aplicação. Mas, no começo, use qualquer um dos óleos carreadores acima mencionados. Mantenha os óleos carreadores longe do calor e da luz para garantir o frescor. Guarde os óleos mais caros na geladeira se você não for usá-los imediatamente. 

Para assegurar o frescor, prepare apenas uma quantidade suficiente para durar alguns meses ou mantenha-a refrigerada. Se você planeja guardar a receita por muito tempo e estiver preocupado com o mofo, use óleo de jojoba. Embora seja mais caro do que a maioria, o óleo de jojoba dificilmente estraga. Se você não quiser gastar muito, use somente um pouco na sua receita.


Água


Você pode misturar algumas gotas de uma mistura de óleos essenciais em seu banho, em uma bacia de água quente para fazer compressas, ou em água fria em uma garrafa de spray. A água destilada ou sem cloro é mais comum. Encha os recipientes com água quente antes de adicionar os óleos essenciais para que eles não evaporem muito rápido.

Agora que já conhecemos os princípios da aromaterapia, é hora de aprender como fazer as receitas aromaterapêuticas. Na seção seguinte, você aprenderá a fazer diluições 
aroma terapêuticas





Bjsssssss, e 
um ótimo final de semana !!

5 comentários:

Sonia de Sá disse...

ELIANE,
Vim pulando de blog em blog e cheguei até aqui.
Muito interessante suas postagens.
Muita coisa, eu desconhecia e aprendi.
Obrigada.
Sou SONIA DE SÁ do blog:
http://quartosdebebebysoniadesa.blogspot.com

Carol Fernandes disse...

Oba! Vou aguardar ansiosa a próxima postagem, porque o que mais estou querendo, depois de todos esses ensinamentos, é aprender a fazer os óleos!
Valeu minha amiga!
Beijos doces!

Carol Fernandes disse...

Sabe de uma coisa? Quando eu ainda morava no Rio, (eu mudei em 93) eu trabalhava no antigo Banespa, que ficava na esquina da Conde com aquela ruazinha que não sei o nome, tinha um Itaú na outra esquina, agora é Santander,aaafffff.....(banquinho terrorista), bem, mas vamos ao que interessa...kkk....eu fazia um monte de cursos de doces, tortas e chocolates aí no Shopping 45, numa loa que vendia chocolates e tinha uma lojinha que eu adorava comprar coisas pra minha cozinha e o que mais eu gostava é que tinha umas coisas diferentes, até hoje eu ainda tenho alguns objetos, o meu cozinheiro de colocar colher de pau, a manteigueira de pata, linda, e outras miudezas que eu sempre comprava. Agora eu pergunto: será que era na sua loja? Faz tempinho heim amiga? Mudei daí em 93, lá se vão 17 anos! Como o tempo passa! Tenho muitas saudades porque só fui ao Rio 1 vez acredita? Problemas, muitos problemas e agora, se Deus quiser vou no fim do ano para levar o maridão que é daqui do interior e é louco para conhecer o Rio!
Se conseguir conciliar os horários, quero ver se dou uma passada por aí! Porque o marido não tem muito tempo, eu aposentei graças a Deus...kkk....só na boa agora!
Nossa amiga, quase escrevi uma carta...kkkk...
Nem precisa publicar se não quiser ok?
Beijos!!!!!

Cintia Branco disse...

Eliane,

Que gostoso tudo isso, puro glamour, coisa que estou precisando, rs.
Beijos

Fernanda Reali disse...

Que delícia! Meu aroma favorito para a casa é Verbena, uso há anos.

beijoooo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...